Você é como a lua no céu enegrecido.
Posso não te ver, mas sei que está lá.
Você é a canção em silêncio aos ouvidos,
mas que na mente está sempre a tocar.

Nenhum comentário :

Postar um comentário