Loucura da carne é achar que a pele é coração.
É viver quando se pode sonhar.
É correr quando se pode voar.

Loucura de outros olhos nestes é o que se enxerga
quando acredita que ver está além de perceber.
É olhar com pupilas longas o que a lucidez já fez costume.
É fazer o relógio da mente rodar além dos ponteiros 24.

Loucura é acreditar que pode ser feliz.
E ser.
Sanidade é seca e seca.
Só faz sobreviver.


Nenhum comentário :

Postar um comentário