Da rosa não rosa que o coração despetalou,
despejou água dos olhos
e espinhos pelo chão.

Nenhum comentário :

Postar um comentário