Ela pensa que é minha dona.
Que sou dela.
Que sou assim.
Se engana feio a querida,
sou malandro de botequim,
sou meu,
escrevo meu fim.
Tá pra nascer uma dona de mim.

5 comentários :