Simplicidade, cadê?

Temos deixado de ser simples.
Cada vez mais.
Temos nos complicado e feito com que
tudo à nossa volta se complique.
Visamos o progresso rápido,
sem nos dar o tempo que temos pra crescer.
Estamos alterando nosso prazo, perdendo o ritmo natural.

Buscamos alcançar os sonhos mais altos,
escalando depressa, passando por cima de desejos
pequenos, mas nem por isso com menor importância.
Estamos sendo gananciosos.

Temos perdido de vista nosso presente,
só pensando no incerto amanhã.
Estamos sendo cegados por nossas próprias ambições.

Ainda estamos perdendo o amor,
fugindo da entrega pelo medo da dor.
Somos humanos, não dá pra optar por nunca sofrer.

Não se lamente, não se limite.

Estamos perdendo nossa vida, nossos planos,
felicidade e nosso ser.
Estamos perdidos em nossa própria estrada.

Pela busca do impossível, temos deixado de conquistar o palpável,
a realidade que está escancarada em nossa frente.
Simplesmente por querer materializar o abstrato.
Sonhe, possa, acredite, alcance, seja.
Seja o que a alma demanda.
Simplesmente, seja.

Um comentário :

  1. É verdada. Estamos afogados em pressa e ambição. Sendo que o pouco, ou o não tanto, às vezes é mais que suficiente.

    ResponderExcluir