Rimas sem cabeça nem pé

O que é o que é? Se nada mais é como é.
O que já foi se foi, agora oi.
O que é o que é? A vida tem andado
de marcha ré, regressa maré, tristeza vem á pé,
felicidade à prestação, o que será que isso é?
O que será que será? Se nada for mudar,
o que é que virá? Será que a vida vai andar?
Será que vou seguir andando?
O que é o que é se o que já foi
não mais é, e o que é está pra ser o que não foi
e o que não mais é, o que é o que é?

Um comentário :

  1. uma poesia para vcs

    achei uma caixinha pequena e bonitina era delicadinha mas era uma caixa princesinha

    ResponderExcluir