Antítese amorosa

O seu deleite ao ver meu pranto,
deixa-me estática de puro encanto.
O seu desgosto ao meu sorriso,
deixa-me fora de são juízo.
O seu prazer com a luxúria,
me enaltece de pura fúria.
O seu modo tão contrário de ser
entorpece-me por assim dizer.

Nenhum comentário :

Postar um comentário